noticias

Prefeitura de Farroupilha estende a mão, paga dívidas e aumenta repasse ao Hospital São Carlos


O prefeito de Farroupilha, Claiton Gonçalves, em entrevista exclusiva para o Portal Leouve, na manha desta quinta-feira (13) anunciou que o poder público irá custear cerca de R$ 850 mil reais das dividas que o Hospital São Carlos possui. Nesse montante está o valor de R$ 150 mil para a UCI Neonatal e outros R$ 700 mil serão abatido em uma divida com a Rio Grande Energia (RGE). Hoje, o São Carlos tem um montante de R$ 1,2 milhões. Conforme Claiton, esse dinheiro sairá dos recursos recebidos pela cidade do pré-sal.

Em novembro de 2019, durante a aprovação do orçamento municipal, a Câmara de Vereadores havia feito uma indicação de que R$ 500 mil do pré-sal fossem destinados a instituição de saúde. A indicação foi vetada pelo prefeito que alega que, naquela época, não sabia quanto nem quando o dinheiro viria para a cidade. Agora, com os valores depositados, Claiton diz que a prefeitura pode fazer uma melhor leitura de onde investir o dinheiro.

Outra novidade anunciada pelo prefeito é que será encaminhado para a Câmara de Vereadores apreciar um projeto de indicação para que a RGE invista na colocação de placas fotovoltaicas no Hospital São Carlos.

“Estamos encaminhando para a Casa Legislativa dois projetos de aporte financeiro para o hospital. São dividas históricas que precisam ser sanadas. Dentro deste projeto está a sugestão para que a RGE aplique 1% do seu lucro anual, que é obrigatório ser usado em eficiência energética, na instalação de destas placas que irão ajudar na melhoria e na manutenção da conta de luz do local”, disse.

Também foi anunciado que a prefeitura de Farroupilha passará a arcar com 25% da conta de luz do Hospital São Carlos. Este valor, que fica na casa dos R$ 150 mil, irá se juntar aos R$ 1,148 milhões que a prefeitura já repassa mensalmente. Este valor, conforme a prefeitura, sairia do ICMS arrecadado pelo município.

Na próxima segunda-feira (17), às 16h, o projeto será apresentado para os vereadores no plenário da Casa Legislativa.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *