Mulher provoca confusão na fila de atendimento do Samae, no centro de Caxias

Uma mulher que estava na fila para ser atendida causou um verdadeiro tumulto na tarde desta terça-feira (04), em frente a sede do Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (Samae), no Centro de Caxias […]


Publicado por Adriano Padilha

há 9 meses atrás

Compartilhar

Uma mulher que estava na fila para ser atendida causou um verdadeiro tumulto na tarde desta terça-feira (04), em frente a sede do Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (Samae), no Centro de Caxias do Sul.

Por volta das 15h30min a Brigada Militar foi acionada para atender uma ocorrência de desordem na Rua Pinheiro Machado, no centro administrativo da autarquia. Ao chegar no local os policiais se depararam com a mulher fazendo ameaças aos funcionários e tentando invadir o local.

De acordo com informações de testemunhas, houve uma certa demora, o que estava causando indignação nas cerca de 50 pessoas que esperavam pelo atendimento. A gota d’água teria sido o momento em que um funcionário do Samae chamou duas pessoas que estavam no meio da fila para serem atendidas na frente das outras pessoas que estariam a mais tempo esperando.

Neste momento a mulher, que não foi identificada, começou a fazer “escândalo” e incitar as demais pessoas a invadir a sala para chegar até os guichês de atendimento ao público. “Não foi só ela ficou brava com o que ocorreu, tinha mais gente que não gostou da atitude dos funcionários, e aí o ânimos ficaram exaltados”, contou um consumidor que estava há mais de uma hora no local esperando para ser atendido.

De acordo com o diretor do Samae, Ângelo Barcarolo, a situação em relação a demora no atendimento ocorreu em função da redução do número de funcionários graças as regras de distanciamento por causa da pandemia. “Até ontem estávamos com apenas 25% do total da capacidade para atender o público, hoje estamos com 50%. A demora não é tão grande quanto o que foi comentado, estamos com sete atendentes, mais o pessoal de apoio”, explica.

Quanto as reclamações sobre pessoas da fila que estariam sendo passadas na frente , o diretor da autarquia disse que há uma triagem. “Existem várias situações a serem observadas: Aquela pessoa que está ali para pegar uma segunda via da conta, a gente já direciona diretamente ao guichê. A pessoa idosa também é encaminhada para o atendimento diferenciado”, explica.

Ainda conforme o diretor, a senhora que causou o tumulto, estava nervosa e tentou provocar uma situação em face da condição perante o Samae, mas ele avalia que a situação foi contornada com tranquilidade.

Generic placeholder image
Por Adriano Padilha

há 9 meses atrás

Compartilhar
    lens

    AGORA

    • Programa Bom Dia Trabalhador

    A SEGUIR

    • Programa Alto Astral

Previsão do tempo

Loading...
weather icon

°C

Parceiros

previous arrow
next arrow
Slider