Quase metade dos sintomáticos suspeitos de covid-19 não comparece para teste PCR em Caxias do Sul

A Secretaria Municipal da Saúde (SMS) alerta para o alto índice de pessoas sintomáticas que não realiza o teste PCR, podendo também estar descumprindo o isolamento indicado e espalhando o vírus da covid-19. Em julho, […]


Publicado por Rafaela Vargas

há 1 mês atrás

Compartilhar

A Secretaria Municipal da Saúde (SMS) alerta para o alto índice de pessoas sintomáticas que não realiza o teste PCR, podendo também estar descumprindo o isolamento indicado e espalhando o vírus da covid-19. Em julho, 40% dos pacientes que agendaram o PCR não compareceram. Em maio e junho, o índice chegou a 70%. O teste PCR é necessário para todas as pessoas que têm sintomas e cujo teste antígeno (teste rápido) apontar resultado negativo.

Todas as pessoas com, pelo menos, dois sintomas fazem inicialmente o teste de antígeno (teste rápido), disponível em todas as Unidades Básicas de Saúde (UBSs). Caso o resultado seja negativo, é necessária a realização do teste PCR para confirmar o diagnóstico do paciente que tem sintomas. Ele é orientado a permanecer em isolamento até o resultado do novo exame para evitar a disseminação do vírus.

O PCR é agendado pelas equipes das UBSs e precisa ser feito nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) Central ou Zona Norte. O paciente recebe orientação da data e horário em que deve comparecer e também um atestado para que inicie o período de isolamento. De acordo com Anelise Kirsch, infectologista do Controle de Infecção Municipal, o número de falso-negativos no teste rápido é grande. Isso acontece porque muitas vezes as células coletadas são menores e não aparecem durante o exame. Ela explica que o PCR, por ser mais específico, possui uma técnica mais elaborada, e procura pelo material genético do vírus a nível molecular.

Anelise também destaca que muitas pessoas sintomáticas que não fazem o segundo exame podem estar descumprindo as orientações de isolamento e retornando ao trabalho por se basearem no resultado negativo do exame antígeno, correndo o risco de contaminar outras pessoas. “É importante que as pessoas compareçam para fazer o teste para ter o resultado definitivo e também para poder avisar pessoas próximas, tanto familiares quanto colegas de trabalho, pessoas com quem esteve mais próximo nos últimos dias, para que elas também façam o teste se tiverem sintomas e se isolem para diminuir a circulação do vírus na cidade”, pontua.

O teste antígeno está disponível em todas as UBSs, inclusive na São Vicente, que é referência para casos suspeitos de covid-19. As UBVs Centenário, São Ciro, Cristo Operário e Alvorada, que atuam temporariamente como Unidades Básicas Vacinadoras, não ofertam o teste.

Pessoas que apresentarem pelo menos dois dos seguintes sintomas devem procurar uma UBS para fazer o teste: febre, calafrios, dor de garganta, dor de cabeça, tosse, secreção nasal, perda de paladar ou olfato, diarreia. Em idosos observam-se também desmaios, sonolência excessiva, confusão mental e fraqueza. Já em crianças é importante observar constipação nasal e batimento das asas do nariz (alargamento e abertura das narinas durante a respiração). Os exames têm eficácia entre o primeiro e 8º dia de sintomas.

Generic placeholder image
Por Rafaela Vargas

há 1 mês atrás

Compartilhar
    lens

    AGORA

    • Programa Bom Dia Trabalhador

    A SEGUIR

    • Programa Alto Astral

Previsão do tempo

Loading...
weather icon

°C

Parceiros

previous arrow
next arrow
Slider