Ponto crítico da VRS-855 foi recapeado em Pinto Bandeira, trecho de Bento Gonçalves segue sem reparos

Após a reportagem do Grupo RSCOM que expôs a situação precária que a VRS-855 encontrava-se, a prefeitura de Pinto Bandeira e o Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (DAER), realizaram, no final de julho, obras […]


Publicado por Adriano Padilha

há 4 semanas atrás

Compartilhar

Após a reportagem do Grupo RSCOM que expôs a situação precária que a VRS-855 encontrava-se, a prefeitura de Pinto Bandeira e o Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (DAER), realizaram, no final de julho, obras para restauração da via. Os trabalhos, que tiveram um custo de R$2 milhões de reais, recapearam o trecho após a ponte, divisora de Pinto Bandeira e Bento Gonçalves. Este, era o local mais crítico da estrada.

O prefeito de Pinto Bandeira, Hadair Ferrari, afirmou que a obra da estrutura já está pronta, contudo, ainda falta a pintura e uma inauguração oficial, que deve acontecer após os trabalhos serem finalizados.

“Só falta a pintura, o que era pra ser os quatro quilômetros de recapeamento foi feito. Tudo certo. Claro que ainda ficaram fora uns pontos que têm um pouco de irregularidade, mas pouca coisa. Então, nos piores trechos, está tudo certo, só falta a pintura e a inauguração com a vinda do [Secretário de Logística e Transportes] Costella.” afirmou.

A questão, contudo, é que o trecho anterior a ponte, a partir do km 17 da VRS-855, região pertencente a Bento Gonçalves, segue sem qualquer reparo. O local, segue apresentando buracos, desgastes, além de placa caída e outra com as marcas de bala, que já haviam sido expostos na reportagem anterior.

A reportagem do Grupo RSCOM foi em busca das respostas junto à prefeitura de Bento Gonçalves e do DAER. O Departamento emitiu nota afirmando que “o conserto deste trecho está na programação da 2ª Superintendência Regional do Departamento, e será executada por meio do contrato de conserva da regional. A verba para o serviço já está sendo providenciada e as atividades iniciam assim que houver a liberação dos recursos.”

As intervenções na via ainda não tem data marcada.

Procurados, o Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano (IPURB), e a prefeitura de Bento Gonçalves, não responderam às tentativas de contato da reportagem.

Generic placeholder image
Por Adriano Padilha

há 4 semanas atrás

Compartilhar
    lens

    AGORA

    • Programa Alto Astral

    A SEGUIR

    • Programa Jornal Leouve

Previsão do tempo

Loading...
weather icon

°C

Parceiros

previous arrow
next arrow
Slider