Justiça absolve acusado de encomendar roubo que resultou em morte de idoso por R$ 5

A justiça absolveu na tarde desta terça-feira (27), o acusado de ser o mandante do roubo que resultou na morte de Darci Alves de Brito, 68 anos, morto durante uma tentativa de assalto em uma […]


Publicado por Adriano Padilha

há 6 meses atrás

Compartilhar

A justiça absolveu na tarde desta terça-feira (27), o acusado de ser o mandante do roubo que resultou na morte de Darci Alves de Brito, 68 anos, morto durante uma tentativa de assalto em uma lavagem de carros no bairro Salgado Filho, em março de 2019.

O rapaz absolvido, 22 anos, segundo a denúncia do Ministério Público, teria prometido R$ 5 para que o autor confesso do crime roubasse um veículo. Porém, a defesa comprovou que a tese da Polícia Civil não tinha elementos que pudessem sustentar a condenação.

Já o autor do tiro que matou Brito, Dieverson Marcos da Silva, 28 anos, foi sentenciado a 23 anos e seis meses de prisão pela 2ª Vara Criminal de Caxias.

De acordo com o criminalista Fernando Alves, o jovem absolvido foi envolvido no crime sem ter sido reconhecido ou sequer apontado por qualquer testemunha como motorista do carro que aguardava o homem que invadiu a lavam e matou Brito na tarde do crime.

Foto: Divulgação

“Ele foi ligado ao crime em função de um veículo que havia vendido ao autor do confesso do assassinato. Conseguimos demonstrar ao longo do processo que o indiciamento da Polícia Civil era frágil e baseado em versões controversas do verdadeiro responsável pelo delito”, conta.

O crime aconteceu na Avenida Salgado Filho, bairro Salgado Filho, nas proximidades do Aeroporto Regional de Caxias do Sul. Segundo a sentença, Brito lavava um veículo quando foi abordado por um homem armado e entrou em luta corporal com o mesmo, sendo baleado. O autor do disparo fugiu em um veículo que o aguardava em frente à lavagem.

O carro foi encontrado incendiado no dia seguinte ao fato, mesma data em que os dois réus no processo foram presos em flagrante. O rapaz condenado pelo latrocínio afirmou que na oportunidade foi até a lavagem de Brito para cobrar uma dívida e atirou em legítima defesa ao ser agredido pelo idoso.

Generic placeholder image
Por Adriano Padilha

há 6 meses atrás

Compartilhar
    lens

    AGORA

    • Programa Entardecer na Querência

    A SEGUIR

    • Programa Fim de Semana com o Sucesso

Previsão do tempo

Loading...
weather icon

°C

Parceiros

previous arrow
next arrow
Slider