noticias

Caxias do Sul tem quatro novos casos confirmados de Coronavírus em 24h


O boletim epidemiológico da Secretaria Municipal da Saúde (SMS) de Caxias do Sul informa que quatro novos casos de Covid-19 foram registrados na cidades. Assim, nesta quarta-feira (6), o município tem 71 casos positivos, sendo 45 recuperados, 21 em isolamento domiciliar, 3 internados em UTI, 1 em enfermaria e 1 óbito, 23 aguardando resultado e 426 negativos para coronavírus. Dos 71 casos confirmados, 29 são homens, entre 15 e 79 anos, e 42 mulheres, entre 20 e 96 anos.

Casos confirmados nesta quarta: mulher, 48 anos, profissional da saúde; homem, 54 anos; mulher, 46 anos e; mulher, 38 anos, profissional da saúde. Dos 71 casos confirmados, 33 são profissionais de saúde. Além disso, o Município tem 961 pessoas que procuraram atendimento médico por síndrome gripal, os quais não foram testados pois não se enquadravam nos critérios do Ministério da Saúde.

Ocupação SUS

30 leitos de UTI ocupados, 88% (10 no Hospital Geral, 18 no Hospital Pompeia e 2 no Hospital Virvi Ramos). Os 10 novos leitos do HG e os 5 novos leitos do Virvi ainda aguardam a portaria de habilitação do Ministério da Saúde para entrar em funcionamento.

Ocupação Privado

37 leitos de UTI ocupados, 56% (15 na Unimed, 5 no Saúde, 5 no Círculo, 8 no Pompeia e 4 no Virvi Ramos).

Caxias do Sul

71 casos positivos (45 recuperados; 21 em isolamento domiciliar, 3 em UTI, 1 em enfermaria e 1 óbito)

23 aguardando resultado

426 casos negativos

Brasil

O Brasil bateu o recorde de mortes e casos confirmados notificados em 24h. Entre ontem e hoje, foram registrados mais 10.503 pessoas infectadas e 615 novos óbitos. O número de pacientes recuperados é de 51.370. A atualização foi divulgada pelo Ministério da Saúde nesta quarta-feira (6).

No total, o país chegou a 125.218 casos confirmados, um aumento de 9% em relação a ontem, quando foram registradas 114.715 mil pessoas nessa condição. De acordo com o Ministério da Saúde, deste total, 65.312 estão em acompanhamento (52,2%%) e 51.370 (41%) já foram recuperados, deixando de apresentar os sintomas da doença. Ainda são investigadas 1.643 mortes.

O total de mortes subiu para 8.536. A marca representou um acréscimo de 9% em relação a ontem, quando foram contabilizados 7.921 falecimentos. A letalidade é de 6,8%.

O secretário de Vigilância em Saúde, Wanderson de Oliveira, voltou a destacar que o número de mortes abarca aquelas atualizadas, podendo se referir a falecimentos que ocorreram em outros dias.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *